sábado, agosto 29, 2009

Helwa yaa baladi

Há dias em que o tempo se fecha e tudo é fatigante, quando trabalhei demais, estudei demais e pensei demais. Há dias em que me sinto um farrapo humano e tenho pensamentos sabotadores que me atingem, dizendo que não sou especial, e nunca serei. Há dias em que me lembro de feridas, desapontamentos, palavras amargas, dores lancinantes, perdas, quedas. Nesses dias, não raro, subitamente, tocam cinco, seis notas de um violino denso e misterioso, aquela atmosfera que só os músicos árabes sabem reproduzir. Uma velha canção árabe enche de cores a sala, e enche de cores os olhos, e faz meu coração crescer, crescer, e quase sair de mim.
Nesses dias, Deus se veste de música, e vem me falar ao ouvido. Da forma como fala sempre, mas que tanta dificuldade eu tenho em compreender.
Quando escuto uma antiga voz cantando em árabe, eu me esqueço de tudo, me lembro apenas de quem sou realmente. Não importa em que lugar esteja, eu me lembro que minha terra é onde meu coração repousa.
Dentro do meu peito cabe uma Palestina inteira, uma Bagdá inteira, toda uma Beirute. Cabe um Vale do Bekar, o coração do Líbano. Cabe uma Capadócia, terra de otomanos, com seu chão de lua.
É muito, muito bom mesmo saber quem eu sou, e sentir felicidade por sê-lo...
Salaam
Layla
(Imagem: minha querida Camila me fotografou, em 2003).

8 Pitacos:

Blogger Giane falou...

A Felicidade não é só Tua.
Feliz é cada Ser que de forma mais real ou virtual (como Eu) tem o privilégio de compartilhar com Alguém como Tu, grandes e pequenos momentos da Vida.

É muito bom saber que existem Seres como Você. Felizes de Serem e Saberem quem são.

Beijos mil, Amiga na Mente, nas Palavras e no Coração!!!

8/29/2009 09:05:00 PM  
Blogger fabi.aine falou...

entrei no seu blog por acaso, mas acaso nao existe...estou montando um mini videos com imagens de mulheres para fazer fundo a uma coreografia que vou dancar num ritual de abertua numa conferencia de mulheres pela paz..seu blo lembrou o meu proprio, abandonado alguns anos atras. Me senti completamente parte dele e de td...a carta da imperatriz...o salam no fim das mensagens, a danca dos ventres, as mulheres inspiradoras...muito louco ne
ta que eu ando tao a flor da pele que qquer beijo de novela me faz chorar (perdi minha mae ha 3 dias)mas ha algo mais..seu blog foi um balsamo...
visita o meu (ex) qdo puder rs
www.libellule.blig.com.br
gostei muito de vc e da sua forca
nao sou muculmana, mas bisneta de libanesa, morei dois anos na indonesia o maior pais muculmano do mundo, vejo o sincretismo do isla na sua vida, comoo eu teimo em manter o sincretismo do cristianismo na minha...acho que somos meio irmas...

9/04/2009 08:36:00 AM  
Blogger .:Då§:.:Rø§å§:. falou...

A saudade bate a minha porta, as vezes!
Beijos

9/04/2009 10:57:00 PM  
Blogger Turmalina falou...

Isso é transmissão de pensamento. Estou neste exato momento fazendo um post sobre um selo que recebi cujo título é Esse blog mexe comigo.E sabe quem é a primeira pessoa da minha lista???...rs...
Bjossss

9/06/2009 04:51:00 PM  
Blogger Turmalina falou...

Oi querida...
O post tá lá só esperando ser lido :o)

9/06/2009 05:56:00 PM  
Blogger Gita falou...

Layla,
Tb amo as canções árabes. Esse mundo sempre me fascinou e hoje, graças a Deus, tenho a oportunidade de estar mais perto dele através da dança do ventre. Derbakes e cítaras fazem a minha cabeça e adentram o mais profundo da minha alma....
bjaum

9/14/2009 12:19:00 PM  
Blogger Luma falou...

É isso!! No dia em que se sentires pequena, lembra-se que tem um coração imenso!! Beijus

10/01/2009 12:02:00 AM  
Blogger Turmalina falou...

Passei prá deixar-lhe um quindim...
Bjo

10/04/2009 08:20:00 PM  

Postar um comentário

<< Início