quarta-feira, maio 03, 2006

Gota d'água



















Já lhe dei meu corpo, minha alegria
Já estanquei meu sangue quando fervia
Olha a voz que me resta
Olha a veia que salta
Olha a gota que falta pro desfecho da festa
Por favor
Deixe em paz meu coração
Que ele é um pote até aqui de mágoa
E qualquer desatenção,
Faça não
Pode ser a gota d'água.

(Chico Buarque)

Salaam
Layla

Imagem: http://galeria.fotoguia.net

13 Pitacos:

Anonymous Anônimo falou...

Lindíssimo.

5/03/2006 03:56:00 PM  
Blogger Turmalina falou...

Pode ser a última lágrima...
Beijo

5/06/2006 08:13:00 AM  
Blogger Thiago Forrest Gump falou...

Gostei do poema! Guardo! :)


Bom fim de semana

5/06/2006 10:41:00 PM  
Blogger .:Då§:.:Rø§å§:. falou...

Chico é Chico!
Que seja a última lágrima!!!

Um beijo no seu coração

5/06/2006 11:20:00 PM  
Anonymous cris falou...

(Suspiro)
Essa tua canção magoada...
Oh, saudades de noticias tuas.
Beijo grande, amiga querida.

5/07/2006 01:31:00 AM  
Anonymous Wagner falou...

Estive refletindo (ultimamente é só o que tenho feito da vida) sobre as mágoas. Não cheguei a uma resolução ainda, mas defini três perguntas: o que nos magoa são os fatos (as pessoas), ou as frustrações do que esperávamos dos fatos (esperanças desfeitas), ou então a nossa percepção dos fatos (visão particular das coisas)?

Segundo o mestre Neil Gaiman: “é tudo uma questão de ponto de vista”.

5/10/2006 10:36:00 PM  
Blogger Lu falou...

Ah, quanto sentimento encontro por aqui. Beijos e bom resto de semana.

5/17/2006 10:12:00 AM  
Blogger ¿¯TÅTد?® falou...

"Quem é que se ocupa da dor do palhaço, quando ele desce do palco?";
"reflexões de uma mulher com a maldição da solidão intrincada na alma..."
Depois de ler bem superficialmente, porém não com pouca atenção, seu blog, começo a desconfiar, ou talvez a ter certeza, que os seres solitários são os únicos com habilidade (leia-se dom) para responder a pergunta sobre o palhaço.
São os únicos hábeis para responder tal pergunta porque são os únicos hábeis para fazê-la.
Encontrei seu blog no Orkut, e se o convite de visita se estender aos homens, passarei por aqui sempre que possível.
Abraço.

5/18/2006 02:45:00 AM  
Anonymous Anônimo falou...

Adorei a nova cara do blog!Como vc consegue!!Vc é mestra em coisas lindas!!Alias vc É linda!Bjos. Lakota-Iony

5/18/2006 11:31:00 AM  
Blogger ¿¯TÅTد?® falou...

Ler "Correndo com lobos" me faz acreditar que o mundo ainda tem jeito.

5/18/2006 08:03:00 PM  
Anonymous Clarice falou...

Olá Layla!
Vc não me conhece e nem tenho página na internet, mas quero que saiba que sou fã das suas palavras!
Passo sempre aqui no seu blog e adoro quando está atualizado.
Essa música de Chico Buarque é muito bonita!

Beijos de uma pessoa que também nasceu com a solidão intricada na alma.

5/19/2006 12:10:00 PM  
Anonymous Juliano Bellinazzi Nequirito falou...

Oi moça adorável,

Me assustei quando li seu tópico. Achei que começaria assim: "Era uma vez uma certa Layla, chamada a Loba da Estepe. Andava sobre duas pernas, usava roupas e era uma mulher, mas não obstante era também uma loba da estepe." (adaptação minha).

Um abração!
Juliano

5/20/2006 09:07:00 PM  
Anonymous Anônimo falou...

Olá, muito bom seu blog!
Quer aumentar as visitas dele?
Cadastre ele GRATUITAMENTE no TopBlogs.
Seu blog recebe inúmeros destaques, e muitas visitas!

Entre já! http://tecnoblog.net/topblogs

5/22/2006 10:04:00 AM  

Postar um comentário

<< Início